Tour Overview

1º Dia

A visita inicia-se na zona mais antiga e típica da cidade de Lisboa: Alfama. Percorremos as ruas estreitas e labirínticas e deixamo-nos conduzir em direção ao rio Tejo. Visitamos três, das quatro antigas judiarias: a de Alfama, a Judiaria Velha e aJudiaria Nova ou das Taracenas. Durante o percurso paramos para observar o belo portal manuelino da Igreja da Conceição Velha em direção à Praça do Comércio.Entre lojas, artistas e cafés percorremos uma das ruas mais bonitas de Lisboa, a rua Augusta. Na Praça D. Pedro IV (Rossio), onde hoje está o Teatro D. Maria II, localizava-se o Palácio dos Estaus (Sede da Inquisição). Bem perto, no Largo de São Domingos uma placa evocativa em homenagem aos milhares de judeus vítimas do massacre de 1506.

Da parte da tarde, depois do almoço, visitamos a Sinagoga de Lisboa, Shaaré Tikvá a primeira construída de raiz desde a destruição oficial do judaísmo português em 1497. Tempo para irmos até ao Largo do Carmo, sítio repleto de História e onde, na Idade Média teria existido a mais antiga Judiaria de Lisboa, a do bairro da Pedreira.

O nosso percurso continua em Belém onde visitaremos o Mosteiro dos Jerónimos, a Torre de Belém e o Padrão dos Descobrimentos.
O dia termina com o tão apreciado e internacionalmente conhecido “pastel de Belém”.
Alojamento em Lisboa no Hotel de 4 estrelas Marquês de Pombal. (nossa sugestão)

2º Dia

Partimos de Lisboa em direção à vila medieval de Óbidos, a vila das Rainhas.
As ruas estreitas, os becos, o casario branco envolvem a vila numa atmosfera medieval, dinamizada no quotidiano pelas lojinhas de artesanato, as tabernas onde apreciamos a ginga da terra ( servida em copos de chocolate) e as estátuas vivas da rua Direita.
Entre igrejas, cruzeiros, paços e solares, a comunidade judaica instalou-se com os seus negócios na antiga almedina. Na Rua Nova encontramos ainda alguns dos vestígios dessa presença, em particular o antigo templo hebraico.Depois de Óbidos saímos rumo à vila piscatória da Nazaré que ficou mundialmente famosa devido às ondas gigantes surfadas por Garret MacNamara. Mas, o que nos espera é uma deliciosa experiência gastronómica proporcionada pelo peixe fresco.
Subimos ao “sítio” da Nazaré onde apreciamos a espetacular vista sobre a praia, o porto de pesca e de recreio.

Tomar, sede da mais conhecida organização militar da Idade Média, a Ordem dos Templários. A nossa visita começa na Sinagoga, uma das mais antigas do país.

O percurso continua na Praça da República onde aproveitamos para apreciar a fachada manuelina da Igreja de São João Batista e as janelas dos edifícios antigos que são um bilhete postal desta cidade à beira do rio Nabão.
Prosseguirmos para o Castelo e Convento dos Templários, sede da Ordem do Templo, mais tarde Ordem de Cristo.
Chegada e alojamento no Hotel de 4 estrelas Vila Galé Coimbra. (nossa sugestão)

3º Dia

Cidade universitária, com mais de dois mil anos de História tem um conjunto histórico-cultural classificado como Património Mundial da Unesco . Visita à Judiaria Velha, Judiaria Nova, Igreja de Santa Cruz (panteão dos dois primeiros reis de Portugal). A Praça Velha, um dos principais centros da urbe, integra este roteiro pois foi nela que tiveram lugar a grande maioria dos autos de fé ocorridos na cidade.
Vamos conhecer uma das mais antigas universidades europeias, a Universidade de Coimbra, e a sua extraordinária Biblioteca Joanina, expoente do barroco português.Da parte da tarde chegamos à bela cidade do Porto. Visita ao centro histórico da cidade classificado como Património Mundial da Unesco. A partir do qual vamos conhecer aTorre dos Clérigos, a Livraria Lello e o antigo bairro judeu do Olival.
A visita prossegue com uma prova de vinhos do Porto nas caves Burmester, onde em simultâneo nos é relatada a sua História.
Alojamento no Hotel de 4 estrelas Ipanema Porto, (nossa sugestão)

4º Dia

Visita à sinagoga Kadoorie Mekor Haim, a maior da Península Ibérica, fundada pelo Capitão Barros Basto, em 1938 e cujo museu apresenta um espólio interessante sobre a vida e obra deste oficial.
Antes de nos despedirmos da cidade “Invicta” vamos beber um café e comer uma rabanada no belíssimo Café Majestic, considerado em 2011, pelo site Ucityguides, o sexto mais bonito do mundo.Partimos em direção a Trancoso, via Lamego, num percurso em que apreciamos a maravilhosa paisagem do Alto Douro Vinhateiro, classificada como Património da Humanidade, marcada pelos socalcos e vinhedos, com matizes diferentes consoante a estação do ano.
Dentro das suas muralhas, e na parte oriental da cidade, encontramos o maior número de marcas simbólicas da Beira Alta e edifícios, como a Casa do Gato Preto, que testemunham a importância da comunidade judaica, nos século XIV e XV. Visitamos ainda o Centro de Interpretação Judaico “Isaac Cardoso” e a Sinagoga Beit Mayim Hayim(Casa das Águas Vivas).

Despedimo-nos de Trancoso e paramos na Guarda, a cidade mais alta de Portugal. Percorremos o centro histórico com a sua judiaria e visitamos o ex-libris da Guarda, a Sé Catedral, um monumento exemplar de arquitetura românica, gótica e manuelina.
Chegada e alojamento na Pousada Convento de Belmonte. (nossa sugestão)

5º Dia

A vila de Belmonte, integra a rede das aldeias históricas de Portugal.
Descoberta pelo engenheiro polaco Samuel Scharwz, nos inícios do século XX, é hoje uma das comunidade mais importante de Portugal, reconhecida oficialmente em 1989. A sua Sinagoga, Beit Eliahu” (Filho de Elias), localiza-se numa das ruas da antiga judiaria e é neste local que começa a nossa visita.Visitamos o Museu Judaico (único em Portugal) que retrata a história da presença sefardita em Portugal, usos, costumes e que integra um memorial sobre as últimas vítimas da inquisição; o Museu dos Descobrimentos – Centro Interpretativo à Descoberta do Novo Mundo e o Museu do Azeite.

Deixamos a Beira Baixa e rumamos em direção ao Alto Alentejo, Castelo de Vide.
A nossa visita centrar-se-á no núcleo histórico. Percorremos as ruas onde se localizaria a antiga judiaria, visitamos a Sinagoga, cujo museu integra vários conteúdos expositivos sobre a História dos Judeus e a diáspora. Seguimos para a oficina – museu do Mestre Carolino, na Rua Nova, que regista a importância dos artífices judeus da Idade Média e terminamos no Largo Dr. Frederico Laranjo para vermos o monumento considerado “ex-libris” da vila, a sua Fonte.

No final do dia, já em direção a Évora paramos em Marvão, um dos mais importantes pontos de entrada dos judeus em Portugal após o Édito de Alhambra, em 1492, que expulsou os judeus de Espanha.
Chegada e alojamento no Hotel de 4 estrela M’ar Ar de Muralhas em Évora. (nossa sugestão)

6º Dia



Visita à “cidade-museu” de Portugal: Évora. O seu património é tão rico e variado que recebeu o título de Património da UNESCO. Fazemos um périplo pelo centro da cidade e vamos conhecer o Templo de Diana (o vestígio mais importante da ocupação romana, dedicado ao culto imperial), a Sé de Évora (importante catedral, em estilo gótico), a Capela dos Ossos e a Universidade (fundada no século XVI ).
Percorremos a antiga judiaria, uma das maiores do país, que chegou a ter duas sinagogas, os banhos e um hospital. Uma placa, na Travessa de Cima, lembra a existência da comunidade.
Chegada a Lisboa Hotel Marquês de Pombal. (nossa sugestão)

[I] O percurso pode ser adaptado em função dos interesses manifestados.

Tour Prices

1.350€

2 Pessoas

+75€

Cada pessoa adicional (Máx. 7 pessoas)

  • Day 1 Alfama old jewish quarter
  • Day 2 Obidos
  • Day 3 Coimbra
  • Day 4 Porto
  • Day 5 Belmonte
  • Day 6 Évora

Neste tour está incluido :

  • Transporte personalizado
  • Guia exclusivo
  • Recolha no seu hotel em Lisboa
  • Free wifi e água engarrafada
  • Visitas conforme programa
  • Seguro de Acidentes Pessoais
  • Seguro de Responsabilidade Civil

O que não está incluido: Almoços ou jantares, Despesas pessoais, Quaisquer outras atividades, bilhetes para palácios ou museus ou despesas não mencionadas em “neste tour está incluído”